Desporto

Centenário do Feirense: “Cheguei aqui e ainda não era pai, ainda aqui estou e já sou avô”

 | 

A derrota no Feirense não abalou a comunidade do Clube Desportivo Feirense que no domingo comemorou o centenário com várias actividades.
E no discurso do almoço no Europarque que juntou adeptos, dirigentes, ex-dirigentes e ex-atletas, bem como os convidados de várias instituições, Rodrigo Nunes esteve visivelmente comovido, sobretudo quando enunciou aquele que deve ser o princípio de amor e lealdade do Clubde Desportivo Feirense e que deve ser passado às futuras gerações: “Cheguei aqui e ainda não era pai, ainda aqui estou e já sou avô. E é assim que gostaria de ser recordado” – disse o dirigente máximo do clube, que foi aplaudido de pé pelos presentes.


Rodrigo Nunes admitiu ainda que falta fazer muito pelo Feirense, recordou a obra do complexo deposrtivo e todos os dirigentes do passado que contribuíram para “a grande história de cem anos do Feirense”, desde os fundadores até aos dias de hoje.