Concelho

Cincork: Cortiça a todo o terreno

 | 
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on Pinterest

Estão no evento há dois anos e já são campeões e vice-campeões. O Jornal N falou com a equipa do Cincork responsável pela participação de duas equipas na final nacional do Land Rover 4 x 4 in schools 2018, a 12 de Julho, para saber tudo sobre esta iniciativa e sobre a sua preparação.

Participam no evento desde 2016. Porque é que decidiram começar a participar?
O desafio tecnológico Land Rover Jaguar 4×4 inSchools(a nível nacional) é um evento organizado pelos Centros Tecnológicos de Portugal em parceria com a Jaguar Land Rover e visa promover a consciência, interesse e entusiasmo pela área da Engenharia através da aplicação prática de Design e Tecnologia, Matemática e Ciência. Assim, a participação do Cincork neste desafio surge através de convite efetuado pelo CTCOR – Centro Tecnológico da Cortiça. Apresentado o projeto pelo CTCOR, decidimos constituir uma equipa com jovens a frequentar o Sistema de Aprendizagem do curso de Técnico/a de Manutenção Industrial de Metalurgia e Metalomecânica (secundário) por considerarmos tratar-se de um projeto de elevado interesse pedagógico em que permite aos participantes aplicarem diferentes saberes e competências no seu desenvolvimento.

O Cincork foi campeão nacional em 2016 e vice-campeão em 2017, com carros telecomandados com carroçaria produzida em cortiça. Qual é o segredo para o sucesso?

De facto, em 2016 e participando pela primeira vez, a equipa Cincork Team (assim designada no desafio) sagrou-se campeã nacional (obtendo ainda os prémios Engenharia, Portefólio, Marketing e Patrocínios e Apresentação Verbal) e com esta classificação, a equipa obteve o passaporte para representar Portugal no desafio Mundial (que ocorreu em Coventry, Inglaterra) tendo vindo a obter um excelente 8º lugar (entre 23 equipas de 15 países diferentes) e arrecadando, ainda, o prémio Identidade (caracterizado pela uniformidade apresentada em todos os elementos de comunicação que apresentavam a cortiça como destaque). Em 2017, após novo convite do CTCOR, foi constituída uma nova equipa (Cincork Next) e consequentemente desenvolvido um novo carro que viria a sagrar-se vice-campeão nacional. Foi contemplado com os prémios Campeão Rookie (equipas que participam pela 1ª vez) e ainda o Prémio Mais Rápido em Pista.Apenas perdeu para a equipa profissional K-Evo de Ponte de Lima (tinha sido vice-campeã nacional em 2016 e veio a sagrar-se campeã Mundial em Abu Dhabi em dezembro de 2017).

Leia mais na edição impressa do Jornal N.