Entrevista

Rui Rios: “Preocupa-me a pobreza escondida”

 | 
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on Pinterest

Rui Rios, presidente da Junta de Freguesia de Nogueira da Regedoura em entrevista ao Jornal N no suplemento dedicado à freguesia.

Quais são as principais prioridades para Nogueira da Regedoura?

As nossas prioridades são a USF de Nogueira da Regedoura e S. Paio de Oleiros, que irá servir os dois polos, a requalificação da zona central da vila. Além disso, algo que nos preocupa muito são os aspectos sociais. Há muitas carências e nota-se alguma pobreza escondida. Temos sido confrontados com situações de más condições de habitação, de pessoas que querem uma habitação digna, mas não têm condições para isso. Temos situações de grande carência económica. Preocupa-me a pobreza escondida.

Que meios existem para resolver essas situações?

A Junta de Freguesia não tem capacidade para isso, porque o complexo de Habitação Social da freguesia até tem habitações que estão vazias, mas em estado de degradação, abandonadas e vandalizadas. Ainda assim, há pessoas que têm necessidade de casa e não é atribuída.Vêm bater à porta da Junta de Freguesia, mas nós não temos capacidade. Contudo, o executivo está a estudar algo diferente, de forma criar um projecto de construção de habitação, sobretudo de T1 e T2. Há muitas carências desse tipo de habitação e aparece-nos muitas vezes só uma pessoa, ou um casal. Se pensarmos na construção de habitações modestas em termos de custo e que a Junta de Freguesia possa ajudar a suportar com a ajuda da Câmara é um passo que podemos dar em frente. É um projecto que temos em mente até ao final do mandato.

Leia mais na edição impressa do Jornal N