Freguesias

AJISCE, uma paixão “popular” de 25 anos

 | 
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on Pinterest

Paulo Sérgio Andrade, presidente e fundador da AJISCE, admite que a Associação nasceu duma paixão “pela cultura popular”. Este ano celebram 25 anos de novos desafios.

“É uma associação que se iniciou por ‘gosto à camisola’. Como fundador, juntamente com outros elementos, tinha andado num grupo de folclore fora da freguesia, uma vez que não existia em São Miguel de Souto na altura. E eu gostava que Souto tivesse um grupo de folclore”.

Este é o pequeno excerto e uma parte da razão da fundação da Associação Jovem de Intervenção Social, Cultural e Ecológica (AJISCE). Fundada a 8 de abril de 1994, Paulo Sérgio Andrade conta que “Fui à Junta e incentivaram-me a criar uma angariação para a formação do grupo de folclore. Como gosto da cultura popular, de objetos antigos e de tradições; surgiu a ideia de formar um rancho e, posteriormente, surgiu a hipótese de formação duma associação que englobasse várias atividades e que, de certa forma, contribuísse para o desenvolvimento do território. Não foi fácil, mas conseguiu-se até mesmo criar uma sede. Em 2005, conseguimos apoio através dum mecenato do Ministério da Cultura para a construção do edifício”.

 

Leia mais na edição impressa do Jornal N.