Auditório de Espinho divulga programação para maio e junho

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

O Auditório de Espinho | Academia (AdE) divulgou a sua programação para os meses de maio e junho. Nos nomes anunciados, destaca-se um filme concerto da banda ‘Mão Morta’ e o espetáculo de Lena D’Água.

O regresso dos espetáculos ao palco do Auditório de Espinho | Academia está previsto para o próximo dia sete de maio, com a atuação da Orquestra Clássica de Espinho. Este será o primeiro concerto do ano civil de 2021, uma vez que devido à pandemia da covid-19 esta infraestrutura cultural não abre ao público desde 27 de novembro.

No dia 14 de maio, a Orquestra de Jazz de Espinho sobe ao palco da AdE. Uma vez que este concerto se trata de um reagendamento, a compra dos bilhetes terá de ser feita através do email bilheteira@musica-esp.pt ou na Academia de Música de Espinho. Os bilhetes adquiridos anteriormente são válidos para esta nova data.

No dia seguinte, ‘A Love Supreme’, banda composta por Ricardo Toscano, João Pedro Coelho, Romeu Tristão e João Pereira, vai atuar no AdE. Este concerto também é um reagendamento e, como tal, a logística dos bilhetes é a mesma.

Uma semana depois, às 21:30 horas do dia 21 de maio, a banda portuguesa ‘Mão Morta’ apresenta o filme-concerto ‘A Casa na Praça Trubnaia.” Os bilhetes estão à venda por dez euros, sendo que quem tem o ‘cartão-amigo’ pode garantir o seu lugar por apenas 6,50€.

A programação do mês de maio termina no dia 28 desse mês, com uma atuação de diferente registo por parte da Orquestra Clássica de Espinho.

Relativamente ao mês de junho, já são conhecidas duas datas: Lena D’Água sobe ao palco do Auditório de Espinho | Academia no dia quatro e cinco, sendo que Mário Costa atua ‘Oxy Patina IV’ no dia seis. Os bilhetes normais para o concerto da artista portuguesa Lena D’Água estão à venda por oito euros, sendo que tem o ‘cartão-amigo’ pode beneficiar de um desconto de quatro euros. Para o espetáculo de Mario Costa, os preços são exatamente os mesmos.