CDS Feira diz-se “preocupado” com o desenvolvimento do contágio do Covid-19

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Em comunicado de imprensa, o CDS Feira diz-se “preocupado” com o desenvolvimento do contágio do Covid-19 no concelho de Santa Maria da Feira. O partido afirma que “há já várias semanas” tem vindo a alertar as autoridades para a necessidade
de realização de testes de despistagem à pandemia junto da comunidade sénior concelhia: cerca de “2000 idosos” registados
nos lares e centros de dia. “O CDS, mais preocupado ficou com as afirmações, do presidente da Câmara Emidio Sousa, no passado Sábado, dia 04-04-2020 no decorrer da Assembleia Municipal, quando questionado pela bancada do CDS, “sobre
a capacidade de realização de teste no nosso concelho, e para quando a realização dos mesmos a nossa comunidade sénior que estão institucionalizados” ao responder que o centro de rastreio à Pandemia covd-19, instalado no Europarque está a funcionar só a 20% da sua capacidade, com a justificação que tem falta de testes e de pessoal para os realizar” – lê-se, em comunicado.

O CDS considera ainda que “se o poder central não é capaz de dar resposta”, o Município “deve realizar todos os esforços necessários” na aquisição de testes. “É urgente a realização dos testes a toda a população sénior e também aos cuidadores
que todos os dias cuidam deles, quer nas instituições como no apoio domiciliário” – conclui.