Corticeira Amorim vai manter proposta de dividendo apesar da pandemia

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Conselho de Administração decidiu manter a proposta de distribuição de um dividendo de 18,5 cêntimos por ação

A Corticeira Amorim decidiu manter a proposta de remuneração aos acionistas, apesar do contexto de crise provocado pela pandemia de Covid-19, cortando apenas o dividendo extraordinário, anunciou a empresa no passado dia 4 de junho.

“Considerando as consequências da pandemia e o inerente agravamento do contexto económico e social, em Portugal e no mundo, e em face da séria situação de incerteza quanto à retoma da normal atividade económica, o Conselho de Administração da Corticeira Amorim reuniu, ponderou e decidiu manter a proposta de aplicação de resultados”, refere a empresa em comunicado à CMVM.“Tendo como base a sua solidez financeira e a adequada estrutura de capitais da Corticeira Amorim, o Conselho de Administração propõe manter a proposta de distribuição de um dividendo de 18,5 cêntimos por ação” – a proposta será votada em Assembleia Geral agendada para 26 de junho.

Veja mais na edição impressa da próxima semana.