“Divino Amor” de Gabriel Mascaro

O filme apresentado é destinado a maiores de 18 anos e representa, Joana, uma escrivã de cartório, usa a sua posição no trabalho para salvar casais que chegam para se divorciar. Ela faz de tudo para levar os clientes a participarem numa terapia religiosa de reconciliação no grupo “Divino Amor”. Tudo é em nome de um projeto maior para a manutenção da família sagrada, dentro da fé e da fidelidade conjugal.

Este filme de Gabriel Mascaro, representa a normalização das pressões sociais, na medida em que as pessoas ocultam um sofrimento crónico por não corresponder aos padrões ideais lançados pela espiritualidade.

 

Leia a notícia na íntegra na edição desta semana.