Estado das águas pluviais na Praia de Esmoriz é “um problema de saúde pública”

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Através de um comunicado lançado através das suas plataformas digitais a 27 de Agosto, a Junta de Freguesia de Esmoriz afirmou ser “do conhecimento geral” que a rede de águas pluviais, na zona da Praia, se encontra “desajustada da actual intensidade urbana”, “velha” e “muito fastigada” – lê-se. A autarquia sublinha ainda a existência de “imensas ligações clandestinas” de águas residuais, que “deveriam ter como destino a rede de saneamento”.

“Tudo isto causa enormes constrangimentos à cidade, seus moradores e quem nos visita, constituindo-se, esta situação, como um verdadeiro problema de saúde publica originado pela falta de civismo numa rede de águas pluviais, já de si, cheia de problemas técnicos e velha” – comunicou a Junta de Freguesia, que acrescentou ainda que, nesta matéria, a sua competência é a de proceder “à limpeza” de sarjetas, acto que “tem acontecido”. No entanto, os responsáveis reiteram que a limpeza por si só “não resolve” os problemas que resultam de “todo o tipo de dejetos e águas negras” que chegam à rede de águas pluviais “de forma clandestina e ilegal”.

Leia mais na edição impressa.