Mulher novamente detida por ameaçar companheiro

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Suspeita detida no dia 27 de abril por violência doméstica e posse ilegal de arma de fogo, após dois dias, voltou a tentar agredir o companheiro com uma tesoura.

No passado dia 30 de abril, a GNR deteve uma mulher que tentou agredir com uma tesoura o companheiro em Santa Maria da Feira, apenas três dias depois de ter sido detida por factos idênticos, informou aquela força militar.

Em comunicado, a GNR refere que a mulher, de 25 anos, deslocou-se na quarta-feira [dia 29 de abril] à residência do companheiro, de 36 anos, tentando agredi-lo com uma tesoura, violando desta forma as medidas de coação que lhe tinham sido impostas. Chamados ao local, os militares acabaram por detetar a suspeita escondida no interior de um móvel de um prédio habitacional, na posse da tesoura que usou para desferir golpes nela própria, na presença dos militares, refere a
mesma nota. Segundo a GNR, a mulher foi transportada a uma unidade hospitalar, mas recusou-se a receber tratamento hospitalar.

A suspeita, com antecedentes criminais por violência doméstica agravada, injúria agravada, dano qualificado e posse de arma proibida, ficou detida até ser presente a interrogatório judicial e revisão das medidas de coação.

A mulher já tinha sido detida na segunda-feira, dia 27 de abril, por violência doméstica e posse ilegal de arma de fogo, após ter ameaçado de morte o companheiro. A agressora foi presente no dia seguinte ao Tribunal da Feira, tendo saído em
liberdade com termo de identidade e residência e obrigação de apresentação semanal no posto policial da área de residência.

Ficou ainda proibida de permanecer junto da residência da vítima ou do seu local de trabalho e de contactar por qualquer meio com a vítima, bem como obrigação de afastamento da mesma, além de não poder adquirir ou deter qualquer arma.