PSD reclama nomeação de diretor clínico para o CHEDV

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Deputados do PSD dirigem pergunta ao Ministério da Saúde

A falta de diretor clínico do Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga (CHEDV) tem suscitado preocupação por parte dos deputados do PSD, que acusam o Ministério da Saúde de “não ter sido capaz de preencher o lugar sete meses depois de ter ficado vago”. Numa pergunta dirigida à tutela, os deputados do PSD apontam a ilegalidade cometida num centro que serve sete concelhos.

“Desde 30 de junho de 2019, o Ministério da Saúde ainda não revelou capacidade para encontrar uma solução com vista à nomeação da nova direção clínica de um centro que serve 400 mil habitantes” – lê-se numa pergunta à tutela, subscrita pelos deputados aveirenses António Topa, Helga Correia e Carla Madureira, referindo-se ao facto de, passados sete meses da cessação de funções da diretora clínica do CHEDV, ainda não ser conhecido o nome do substituto.

Leia mais na edição impressa do Jornal N.