PS pede fiscalização da velocidade na Rua do Outeirinho, em Santa Maria de Lamas

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Foi pela voz do vereador António Bastos, na Reunião de Câmara da passada semana, que o Partido Socialista pediu a atenção do Executivo Permanente para a Rua do Outeirinho, em Santa Maria de Lamas. “Já há 15 dias solicitei que o Executivo Permanente por lá passasse e verificasse as condições nos cruzamentos com a Rua da Cruz e com a Avenida dos Prazeres. Sabemos que esses entroncamentos são extremamente perigosos para quem utiliza passeios, que estão ao nível das faixas de rodagem” – enunciou. O vereador sublinhou também que no lugar existem “automóveis que circulam a alta velocidade” e “não respeitam as passadeiras ou os idosos”. Emídio Sousa encaminhou a questão para a divisão da Rede Viária, defendendo que os passeios à quota da faixa de rodagem “não representam qualquer problema de segurança rodoviária”.

Já António Topa Gomes, vereador responsável pelo pelouro das Obras Municipais confirmou que os técnicos municipais estiveram no local. “No relatório que recebi da Rua do Outeirinho é possível verificar que as marcações rodoviárias já foram mais vivas, mas que ainda assim continuam a ser bastante visíveis. O início da Rua apresenta já um pavimento algo fissurado, é um facto, e portanto esta rua será objecto de requalificação numa fase de pavimentação posterior, só em 2022, provavelmente” – adiantou o vereador. O Partido Socialista insistiu na questão, desta vez através do vereador Délio Carquejo, que ressalvou os equipamentos servidos pelos arruamentos em debate. “A Rua do Outeirinho não é uma insistência em vão da nossa parte. Como é sabido, nessa rua existe uma Escola Básica, uma cantina e um pré-escolar. Essa é uma via de atravessamento em altas velocidades, e é necessária atenção. De facto muita da responsabilidade recai sobre a fiscalização das forças policiais, mas deveria existir uma alternativa para a redução da velocidade” – alertou.