Cruz Vermelha de Sanguedo integra seis novos voluntários

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

António Teixeira, presidente da delegação de Sanguedo, assegura que os novos elementos irão ver a “família da Cruz Vermelha” como “uma segunda casa”

No passado sábado, 17  de julho, a Cruz Vermelha – Delegação de Sanguedo realizou o 17.º Compromisso de Honra, naquele que foi o ato oficial de integração de novos elementos voluntários. Os seis novos elementos deram entrada na instituição após terem concretizado uma formação de base e de prestação de primeiros socorros, sendo agora integrados nas equipas de emergência pré-hospitalar.

O presidente da delegação de Sanguedo da Cruz Vermelha, António Teixeira, refere que apesar dos novos elementos não representarem um “número significativo”, o importante a reter é a qualidade dos voluntários que mostram “disponibilidade, formação e vontade de servir a instituição”. António Teixeira explicou que a Cruz Vermelha de Sanguedo é, frequentemente, composta por jovens que dedicam parte da sua disponibilidade para auxiliar quem mais necessita, no entanto, após três a quatro anos, saem por motivos profissionais ou académicos; daí a necessidade anual de reforçar as suas “fileiras”.

Leia mais na edição impressa/digital do Jornal N.